Páginas

domingo, 30 de setembro de 2012

Feira Imagine em SP!

Bonsoir!

Neste fds teve a feira Imagine aqui em São Paulo e eu fui, claro. Algumas coisas não deram muito certo, não consegui assistir às palestras, nem encontrar os amigos (nem o William, nem "ela") :(

O que fiz, então, foi tentar descobrir mais sobre cursos que se encaixavam no PEQ ou no CEC, como alternativa para o processo de sponsorship.

Aqui vão algumas informações úteis:

- embora a Perla tenha dito que poderíamos fazer um curso de 1 ano no Quebec e começar o processo (via PEQ) no meio do curso, ou seja, em 6 meses, os cursos que têm 1800 horas levam 2 anos em média. Ou seja, é o mesmo prazo estipulado para os novos processos (1 ano de provincial + 1 ano de federal);

- Fora os cursos técnicos, existem ainda os bacharelados, os mestrados e os doutorados, mas MBAs e certificados, não!

- para ser aceito numa boa Faculdade lá, não basta o diploma, a nota do ensino médio vai contar pontos e o Ielts acadêmico deverá ter uma nota final 6 (no mínimo) e não poderá ser menor que 5,5 em nenhum quesito. Claro que esta nota varia dependendo do curso e da Faculdade;

- quem tem curso técnico não pode fazer Mestrado, mas pode tentar reduzir o tempo de um Bacharelado lá, com equivalência de matérias;

- os cursos com mais de 2 anos oferecem 2 possibilidades de visto de trabalho: 20 horas semanais após 6 meses de curso e um visto de trabalho de 3 anos após o término do curso.

Resumo da ópera: estudar lá é um investimento caro para quem não é canadense, mas pode ser uma saída para quem não está com a profissão na lista. Os prazos também não são animadores quanto se pensava, mas o visto de trabalho pode ajudar na espera do processo.

E agora... o que fazer?!

Bisous!

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Pour rire #2

Sotaque difícil mesmo esse do Quebec... por isso que eu prefiro praticar com humor... olha isso aqui:



Tem vários no youtube... é só buscar "Têtes à claques"!

Au revoir!

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Minutos de Pinterest

Minutos de Sabedoria Pinterest! Por mais que a gente reclame do processo... 

Enquanto espero #2


Chegou mais uma quarta-feira e hoje é dia de falar sobre o que fazer durante essa looonga espera pela resposta do Canadá...

1- Passear na Kopenhagen!
Adoro começar com comida! Acho que eu já falei antes, mas mesmo com a infinidade de lindts que existem no Canadá, a verdade é que a nossa boa e velha Kopenhagen vai me fazer muita falta! Eu amo quase tudo de lá e os que mais gosto são os que levam canela, desde o "Mexicano", chocolate quente com um toque de canela, à minha mais nova descoberta: a trufa de lajotinha!!! 
Se ainda não experimentou, corre pra lá antes que o seu visto saia!!! ;)

2- Fazer depilação à laser ou fotodepilação!
Não é segredo pra ninguém que as brasileiras são experts no assunto. E se vc tiver coragem e vontade($$), acho que é um bom investimento. A menos que seja dessas garotas "hands-on" (que eu admiro muito) que têm sangue-frio suficiente pra fazer isso sozinhas. Nesse caso, minha amiga disse que vendem ceras excelentes na farmácia, bem baratinho. Como sou medrosa, estou pensando na fotodepilação, que não dói tanto... #medo

3- Sair com os amigos de antigamente...
É bom sair até enjoar, porque ao chegar lá, os amigos serão todos novos. Tem uma diferença entre sair com quem já te conhece, sabe das suas chatices e te compreende só de olhar. Não que não seja bom fazer amigos novos e descobrir tudo do começo (inclusive a si mesmo!), mas acho que vai fazer falta essa compreensão instantânea que só os velhos amigos têm. Sem fazer média. Sem se preocupar se vão entender tudo errado. E com a tranquilidade de conhecê-los um bocado também.

4- Colocar a lista de leituras em dia!
Tá certo que a gente precisa estudar francês, mas às vezes dá uma vontadinha de ler um livro que a gente entenda 100%, né?! E por mais que cada um leve a sua biblioteca pessoal, aos poucos os nossos livros  em português serão substituídos por outros, ora em inglês, ora em francês. Então, acho que é um bom momento pra correr atrás das leituras que ficaram suspensas no tempo. Ou das que são complicadas demais pra ler em francês. Outro dia entrei num Sebo e pedi um livro em francês. Qualquer um. Podia ser tradução. Era pra ler enquanto esperava pelo meu passarinho. A moça veio com um do Kafka. Dei um sorriso, li a primeira página e devolvi com o rabo entre as pernas.

5- Organizar a coleção de cds/dvds/blurays
"O que levar, o que colocar no hd e o que abandonar no passado?" Parece fácil decidir, mas não é... e leva tempo! Ainda mais quando a sua coleção se mistura com a da sua mãe! E ainda tem a coleção dele, que é mais eclético (e teimoso!) que você... "Claro que eu vou levar", "Imagina que vou deixar isso aqui", "Que que tem que é fita?!" (rsrs). Acho difícil me desapegar das músicas do passado, mas ao mesmo tempo, adoro ser surpreendida pelas rádios (tem cada rádio boa na internet!). 
Resolvi que vou levar em mp3 mesmo, que não ocupa muito espaço. Contraditoriamente, os dvds que vou levar são só os de música (boa, claro). Filmes agora só quero em bluray! Como só tenho 2, ficou fácil, eles vão... o pior é que o sogrinho comprou a coleção Grandes Vozes, da Folha. Ai que vontade de levar tudo empacotadinho como está. Só faltou vir escrito na caixa: "Me leva para o Canadá?!".

6- Juntar documentos
Falei que ia escrever sobre a equivalência do Diploma, mas não demos entrada ainda... sabe por quê? Porque o diploma dele vai levar 1 ano e meio pra ficar pronto!!! Não acreditei quando ela falou. Ele se formou em 2006!!! E você, já tem o seu? Já pediu o seu histórico? Tem cartas de recomendação do trabalho e/ou de professores da faculdade? Bora juntar a papelada, que isso leva tempo... às vezes mais do que a gente imagina! 

7- Fazer um curso grátis pra atualizar seu cv!
Já falei aqui do curso de java online, que não rolou pra mim (meu computador não respondia, desisti na segunda aula!), mas agora comecei um da Coursera. O projeto reuniu universidades renomadas para oferecer cursos online gratuitos (com certificado e tudo!). O meu começou na segunda, chama Human-Computer Interaction, e é da Universidade Stanford. Não encontrei nenhuma universidade do Quebec, mas tem a Universidade de Toronto e a UBC. Vale a pena dar uma olhada, tem cursos para todas as áreas, é só escolher e se cadastrar!

Por enquanto é isso. Quarta que vem tem mais... e você, o que faz enquanto espera?

Compartilhe aqui!

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Entrevista: Guia para fazer seu dossier!

As entrevistas estão chegando e vocês já devem ter ouvido falar sobre o famoso dossier... este documento é importante porque é uma "chance controlada" de mostrar ao entrevistador que você conhece a Província e como planeja se estabelecer.

O dossier é um documento que pode ser feito até no word, impresso e encadernado. Pode ser também uma pastinha, em que você vai colocar as informações abaixo. O importante é que mostre:
1) que você nasceu para morar no Quebec! e
2) que você não afirmaria algo sério assim, se não soubesse muito bem o que está falando...


Quando eu fiz o meu, foi de grande ajuda ler o do Igor, que gentilmente postou o dele aqui. Eu pretendia postar tbm, já que fiz com muito carinho e me tomou muito tempo, mas meu passarinho acha que muita gente vai só copiar e colar, e isso não é legal... (até porquê, estudando pra fazer o dossier é que a gente se prepara de fato pra entrevista!). O que eu resolvi fazer, então, é postar um "guiazinho básico"!

Vou contar uma coisa pra vocês, a entrevista é bem tranquila, a gente chega e ele(a) já vai logo pedindo os documentos (que, claro, você levou numa pastinha, bem organizadinhos, um em cada plástico):
- certidões de nascimento/ casamento
- diplomas e históricos
- carteira de trabalho + cartas dos empregadores (conforme especificação)
- comprovação de testes de idiomas
- etc.
Como tudo isso toma tempo, eu pensei que ele nem fosse ver o meu dossier! Mas aí lembrei dos posts que li, em que as pessoas falavam que os advogados de imigração sempre recomendam mostrar esse documento (que não é obrigatório, diga-se de passagem!), mas que causa uma excelente impressão... Respirei fundo, busquei uma brecha e mostrei! Pra ajudar, fiz tudo em francês, corrigidinho pela professora, pra não dar a mancada de cometer um erro muito esdrúCHulo (hahah... que palavra feia, esdrúxulo!).

Então vamos a ele...

Guia para o dossier:

(Comecei de forma geral e fui especificando)

1- Capa bem bonita, de preferência com referência ao Quebec (rsrs).

2- Le Canada (dados gerais, história)

3- La Province Du Québec (dados gerais, história, atualidade)

4- Pourquoi Le Québec? (eu coloquei 5 razões, em tópicos, e expliquei porque cada uma delas era importante pra mim). *detalhe: depois ele me perguntou de novo, acho que pra ver se eu sabia o que tava lá (rs) e é bom saber, porque eu praticamente ditei a resposta que ele escreveu no computador(!)

5- Pourquoi ___? (Montreal, no meu caso)
Mesma coisa, mais 5 razões divididas em tópicos bem explicadinhos. *detalhe: ele perguntou se eu conhecia outras cidades, eu disse que sim, mas me deu branco na hora! Falei de Quebec e de Ottawa/Gatineau (hehe)... queria ter falado Mont Tremblant! Mas tem que conhecer mesmo, porque ele pergunta o que você fez lá e do que gostou!

6 - Plan de la Vie (esse eu achei bem difícil de fazer, a verdade é que eu não sei de nada ainda, mas coloquei o que eu gostaria que acontecesse)
Eu dividi como uma linha do tempo (1 mes, 2 mes, 3 mes, 4 ao 12 mes, 2 ano, 3 ano). Aqui entram desde as primeiras "demarches" até os planos a longo prazo. *tive muita dúvida se deveria colocar o desejo de engravidar ou não. Por um lado, o Quebec quer famílias, crianças que cresçam lá; por outro, ter um filho nos primeiros anos pode atrapalhar quando você está recomeçando a sua carreira profissional. Eu não sei ainda quando quero ter filhos, mas coloquei no 3 ano. Aí vai de cada um.

7- Recherche d'offre d'emploi (os planos estão lá, mas e aí, o que vc fará efetivamente pra isso acontecer?)
Esta parte é super importante e é legal vc ter planos A, B e C. Foi muito útil ter isso no dossier, porque eu praticamente ditei quando ele me perguntou. No meu caso ficou assim:

- plano A: designer de multimedia (minha área de formação no Canadá)= 3 ofertas de emprego com exigências que eu poderia cumprir.

- plano B: assistant radio/télé/cinema (minha área de formação no Brasil) = 3 ofertas de emprego, em cargo iniciante. :/

- plano C: services touristiques/aéroport (esta deve ser uma área que vc tope trabalhar, que tenha o seu perfil e que não seja tão difícil conseguir um emprego). Ia colocar algo ligado à biblioteca ou lojas de livros, papelaria. Mas achei que falar português e espanhol talvez me ajudasse em algum serviço turístico = aqui só achei uma oferta de emprego. *detalhe: no caso das lojas, o anúncio é feito na própria vitrine mesmo, por isso fica mais difícil, eles não gastam muito com classificados.

8 - Recherche de voisinage (mesmo que não tenha ido para a cidade em questão, hj tem tudo na internet! Dá pra escolher 2 ou 3 vizinhanças e se informar sobre elas. Tem muita coisa nos blogs também! Até aqui)

 Eu coloquei:
- plano A: Verdun (gostei muito de morar lá, é um bairro tranquilo, razoavelmente perto do centro e com aluguéis mais em conta). Coloquei algumas fotos que tinha do bairro e 3 ofertas de aluguel com um valor razoável.


- plano B: Plateau/ Laurier (o Plateau foi o segundo lugar que morei, bem diferente de Verdun, mais central, então dava pra fazer tudo a pé ou de bike (nem precisava de ônibus). O problema é que tem que penar muito pra achar um preço bom por lá, então coloquei Laurier que é pertinho e um pouco mais em conta (tbm coloquei fotos minhas no bairro e 3 ofertas de aluguel)



9- Le Budget (agora é a hora!). Esta parte é importante porque dá pra ver se você está familiarizado(a) com os gastos que terá por lá e como pretende se manter. Como eu fiz no ano passado, acho que pode ter mudado um pouco, mas vamos lá:

Eu fiz uma tabelinha para os 2 primeiros anos, vou colocar aqui a do segundo. O que mudou em relação ao primeiro é que, no outro, não coloquei renda nos 3 primeiros meses, o plano de celular não tinha internet (era o básico, por $38,00!) e o gasto com lazer era só de $100 (cineminha, que ninguém é de ferro). Depois, aumentei um pouco. Precisa sobrar para a Poutine!

se clicar, aumenta! rs
*detalhe: gastos para uma pessoa apenas (fiz o processo sozinha)! Acabei de ver que não tem os gastos com saúde! Dentista, médico, pra quê?! O Cabeleireiro tá lá... :O


10- Le budget et la stratégie professionnelle (O orçamento pode vir acompanhado de uma estratégia, que explica melhor no que você vai investir e porquê. Custos como um curso de atualização, equipamentos de trabalho, internet rápida etc., podem ser fundamentados aqui!)

obs para família com filhos, talvez seja bom pesquisar dicas de escolas tbm! ;)

Pronto! Seu dossier está completinho! hehehe

ATUALIZAÇÃO: Estava lendo o blog do Oui Quebec e me lembrei de algo bem importante, os advogados não aconselham que falemos sobre planos para estudar no Quebec. Este programa é para atrair profissionais qualificados, ou seja, que entrem direto no mercado de trabalho. Se você disser que quer se atualizar, está praticamente dizendo que não está pronto pra chegar e trabalhar na sua área, já pensou nisso? ;)

 Ficou com alguma dúvida? Pergunta nos comentários abaixo, que eu respondo!

Au revoir!!!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Les passants x Je veux

Dia de rivalidade musical no Frozenbird... mas hoje tem 2 do mesmo grupo, que eu virei fã!!! Ia postar na semana passada, mas acabei trocando pelas do festival! Mas tudo bem, porque a Lídia postou a mesma! ;)



X




E como essa mocinha apavora, resolvi postar um bônus, um cover da Edith Piaf... olha isso:



E aí? qual vcs preferem?

Quer ouvir mais? Passa aqui toda segunda... ;)

Au revoir!

domingo, 23 de setembro de 2012

Carta para Dea, de 2022




Dear/Chère Andrea,

Falta muito pouco, minha linda!!! O seu processo de imigração vai ser resolvido em menos de 6 meses! Depois que passarem as festas de fim-de-ano, tudo vai se desenrolar muito rápido! Num piscar de olhos você vai estar no avião, pousando no Canadá. Por isso mesmo, aproveite cada segundo no Brasil...

Talvez não tenha consciência agora, mas esse tempo de maturação é necessário. As pequenas confirmações de que deve ir embora (que você recebe diariamente) não são pra te deixar desesperada, mas para reafirmar que você fez a escolha certa (certa pra você, não se esqueça!). Então não gaste energia à toa e aproveite para juntar forças porque, depois que chegar aqui, a sua vida vai mudar de ritmo e você vai se lembrar com carinho (e muita saudade!) da época em que voltou a morar com a sua mãe...

Sabe aquela ideia de trabalhar num hotel ou numa cia aérea? Não vai rolar. É que você vai arrumar um emprego na sua área em menos de 3 meses! O apartamento nem vai estar pronto ainda e você já vai estar trabalhando! E posso te falar uma coisa? Você vai amar seu emprego!!! A começar pela sua mesa, que tem uma vista linda, fora que o lugar é todo estiloso. Seus colegas são inteligentes, divertidos e criativos, e há muita troca de ideias a cada novo projeto. Não tenha pressa em ser ouvida, nem medo de não ser respeitada. Você será muito bem recebida. Só tome cuidado com essa sua tendência a ser workalcoholic...

Você vai precisar viajar de vez em quando e, por incrível que pareça, vai ficar torcendo pra voltar logo pra casa! É que lá estão um menino e uma menina, que são o maior orgulho da sua vida! Logo você, que tinha tanto medo do parto, pavor de ter uma criaturinha dependendo de você, vai amar cada minuto dessa dependência! 

Finalmente parece que você conseguiu organizar seu tempo (isso mesmo, as suas noites de insônia na internet estão com os dias contados!). Claro que o seu amor te ajuda, mas como você não quer deixar de trabalhar, o tempo fica apertado mesmo! De qualquer forma, não se preocupe, ainda vai dar pra ir ao parque, ao cineminha semanal, ao teatro, à biblioteca e à alguns concertos. Vai dar até pra viajar, tudo bem planejadinho, agora com a desculpa de que, com criança, não podem acontecer imprevistos (ele vai ter de aceitar!). 

Além disso, sua casa tem uma energia muito boa e não faltam visitas dos amigos por aqui. Sabe tudo aquilo que você acumulou no Pinterest? Me ajudou muito(rsrs). São muitas reunioezinhas e novos pratos para experimentar... =D

Ah! Sabe o trabalho voluntário que você começou no Brasil? Vai continuar por aqui.... e aquele projeto, que era nosso segredo, virou um sucesso! Com ele você ajuda muitas pessoas, o que te deixa muito feliz!

Mas eu vou parar de contar a sua história, porque eu sei o quanto você gosta de surpresas. Concordo com você quando diz que é preciso deixar espaço para o inesperado. Vou aproveitar que as crianças estão dormindo e vou terminar meu vinho na sala, nós vamos assistir um seriado que você adora, e se eu não for logo, ele vai acabar dormindo no sofá!

Obrigada por ter me trazido até aqui. Acho que você é mesmo visionária... Tenho muito orgulho de você e do que construiu ao seu redor. Espero que você também goste.

Bons sonhos e durma em paz, que a vida não tarda em desabrochar pra você...

Prends soin de toi, 
Andrea (mais do futuro ainda!)


*Quem quiser sonhar tbm, pode copiar o banner acima e colocar o link do próprio post aqui:

Carta para Dea de 2002



Querida Andrea,

Faz um ano que você concluiu a Faculdade de Jornalismo e já trabalhou com um pouquinho de tudo (tv, web e impresso), mas vem muito mais pela frente. É... você não sossega menina! 

Sei que a vida parece muito difícil agora, que todos aqueles planos de ser uma boa aluna e sair da faculdade com um emprego dos sonhos não deram muito certo, mas, acredite, você não iria querer uma vidinha tradicional! E com o tempo você vai ver que foi bom aprender, desde cedo, que a vida não é tão previsível assim. É isso que a deixa emocionante e que traz um monte de novidades que a gente nem tinha imaginado!

Depois dos cursos de Locução e de Economia, que você pensava que iriam te levar a apresentar um telejornal, você vai acabar é num programa de Turismo e num curso profissionalizante de Dublagem, que será mais divertido do que qualquer outro curso que você já fez! Uma pós vai te apresentar a arte digital e vai ser uma bolsa pra estudar Design Digital que vai te levar ao lugar que você sempre sonhou, justo quando você tinha perdido as esperanças de que ele pudesse realmente existir!

Não vai ser fácil estudar em outra língua, tendo de se adaptar a um novo País, mas você terá um companheiro de verdade, que vai estar ao seu lado quando você sentir medo e duvidar do que possa realizar. Respire fundo, você vai conseguir! E nem vou contar quanto orgulho você ainda vai me dar... ;)

Lembre-se de não ter pressa, porque às vezes é preciso dar uma corridinha para trás, antes de dar um um grande salto para frente! Você vai voltar para o Brasil e, embora saiba que aqui não é o seu lugar, tenha calma, é preciso. Nesse momento, a vida vai te mostrar outros lugares (vem um projeto do Ministério do Turismo por aí!) e você vai trabalhar rodeada por bons amigos que, por fim, vão te incentivar a seguir o seu caminho!

Vai chegar uma hora em que você vai se sentir muito sozinha e desiludida com tudo, mas terá muitos anjinhos por perto pra te aconselhar e você vai se jogar e fazer tudo que estiver ao seu alcance pra voltar ao lugar que você conheceu! Só que mais uma vez, irá se surpreender! Você vai parar num lugar novo, que fala uma outra língua e que tem tanta alegria e cultura, que vai roubar o seu coração! Não é a toa que o seu coração bate forte toda vez que alguém fala o nome dessa cidade!

"Mas não se afobe não, que nada é pra já...(rs)", vem mais espera pela frente! Este tempo vai ser importante para a sua família e, principalmente, para o seu companheiro. Sei que você é ansiosa e quer abraçar o mundo, mas cada um tem a sua hora. E esta também é uma lição pra você: quanto mais quiser desafiar o tempo, mais ele vai te ensinar a esperar... 

A única dica que eu vou te dar, guarde bem porque é um conselho muito valioso quando o cansaço chegar: aproveite cada dia que estiver no Brasil e cuide bem do seu blog! Não tenha medo de se expor, pois só assim seus futuros amigos vão te (re)conhecer... Cada dia que ler novidades no blog deles, terá a alegria de descobrir sintonias e a satisfação de saber que há quem sonhe os mesmos sonhos. E que, eventualmente, eles se tornam realidade.


Com amor,
Andrea (do futuro...)

* Se você também quiser escrever uma carta para você mesmo(a) no passado, com conselhos sobre o que está por vir, copie o banner acima no seu post, e compartilhe aqui.

sábado, 22 de setembro de 2012

Montréal par Minikim

Só passando pra mostrar umas ilustrações muito gracinhas da vida em Montreal...

veja mais aqui

Au revoir!



quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Minutos de Pinterest...


Just saying...

Tira e põe da bandeira do Canadá

Pra mim, essa história de põe bandeira, tira bandeira, é pura falta de notícia. Tanta coisa pra discutir e a mídia querendo botar fogo na questão separatista do Quebec.

Tá certo que a Belle Province não tinha nada que tirar a bandeira do Canadá, mas qual a proporção que isso pode tomar de fato? É só picuinha. Agora se a mídia ficar incitando essa bobagem de anglófonos x francófonos, aí sim a coisa pode ficar feia.

E o pior é que tem muito francófono e morador de Quebec que é atacado, sem nem ser a favor da separação. Num país justo como o Canadá, isso é lamentável.

E neste caso sim, falta do que fazer.

Leia a matéria aqui.




quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Enquanto espero #1

Antes de começar, preciso dizer que tenho Vênus em gêmeos e sou muuuuito indecisa.
Como eu fiz os dois banners e não consigo escolher, vou revezar a cada post!
Agora sim, o primeiro post da blogagem coletiva "O que FAZER quando vc está esperando...o processo do Canadá"

1- Deliciar-se com Mousse de Maracujá (da fruta!!!)
A primeira coisa que eu penso quando preciso me confortar por algum motivo é comida (rs). Por isso, começo este post com esta receitinha deliciosa, que não rola fazer lá no Canadá:

Ingredientes:
1 lata de leite condensado
1 late de creme de leite sem soro
Suco de 4 maracujás

Modo de fazer:
Retirar a polpa do maracujá, dar uma batidinha de leve no liquidificador  (só pulsar gente! Umas 3x) pra soltar da semente. Coar. Lavar o liquidificador (hahaha). Bater o suco com os demais ingredientes. Colocar pra gelar.

Como eu amo maracujá, esta é a melhor sobremesa do mundo! logo depois do brigadeiro. E eu já tentei fazer com tudo o que foi suco no Canadá, de polpa congelada à Maguary importado, e não fica igual. Não adianta. Essa sobremesa é exclusiva do Brasil!


2- Frequentar academia
 Depois da comida, vem a culpa. Básica. Então o jeito é ir para a academia. Aliás, fazer exercícios é ótimo pra quem está esperando. É um jeito de desestressar e produzir hormoninhos gostosos e calmantes. ˆ-ˆ


3- Fazer RPG
Acho que já falei disso aqui no blog, mas comecei um tratamento postural que mudou a minha vida. É impressionante como a gente é mais torto do que imagina. sério! Eu recomendo começar o tratamento aqui, não só pra começar a ficar melhor posicionado(a), como para aliviar o estresse. Toda vez que volto de São Paulo, estou tão dolorida que ele nem acredita no nível de estresse que acumulo nos ombros. Lá no Canadá, acho que não vou ter tantos problemas desse tipo... =)


4- Tratar os dentes
Nem preciso dizer que dentista lá no Canadá é muito caro, né?! Eu sei que todo mundo tá querendo guardar dinheiro para começar a vida quando sair o visto, mas não encarem como uma despesa, e sim como um investimento. Ir com os dentinhos tinindo não é garantia de nada, mas é melhor prevenir do que remediar. Ou vc não vai se esbaldar no Maple Syrup?! E quem tá com tudo em ordem (dentista e ortodontista) e quiser fazer outros tratamentos, como o clareamento, pode fazer por aqui também, se não quiser deixar as calças por lá...rsrs.


5- Estudar Francês
Estudar, estudar e estudar. Opções não faltam. Se ainda não puder fazer a Francisation en Ligne (Fel), dá pra fazer exercícios online, baixar podcasts e assistir a vídeos no youtube. Tempo gasto aqui, é tempo ganho lá!


6- Passar tempo com os sobrinhos
Criança geralmente não curte muito o skype, pelo menos os meus sobrinhos não. E o que eu tenho mais saudade quando estou fora do Brasil é de criança e de cachorro. No caso dos meus sobrinhos, era de matar ver a carinha deles me perguntando quando é que eu iria voltar. Por isso, a espera serve pra não ter desculpa e brincar bastante, enquanto eles ainda querem saber da tia. Daqui a pouco começam a namorar e já era. Mas é preciso respirar fundo toda vez que eles pedem: "tia, não vai pro Canadá, não!"


7- Traduzir os documentos
Quem não tem a tradução do Rg, diploma e histórico escolar pode ir adiantando esses papéis, até para pedir a equivalência de diploma (vou escrever mais sobre isso num próximo post!). Leva tempo e não é bom deixar pra última hora, já que os tradutores juramentados tiram férias entre dezembro e janeiro.


Por enquanto tá fácil, vou parar por aqui, que o post já está ficando longo demais. Semana que vem tem mais! Será que alguém se anima a postar as suas dicas, enquanto espera? Aposto que vc tem uma...

Nova blogagem coletiva

Hoje eu ia fazer um post sobre os motivos que me fazem querer ir embora daqui no próximo vôo da Air Canada, seguindo a sugestão da Ju. Tinha até um vídeo pra postar, de um camarada que se irritou com a CET e saiu atropelando os cones (não os pequenos, aqueles grandões que a gente nem consegue tirar do lugar!). Aquilo foi um exemplo medonho de como as pessoas estão no limite, de como o respeito pela ordem já se acabou e de que todo mundo tá virando bicho. Fiquei horrorizada.

Mas a verdade é que, só de escrever sobre isso, já fiquei me sentindo mal, repetindo aquelas cenas na minha cabeça. Extravasar é bom, às vezes eu faço isso (escrever, não derrubar cones! rsrs), mas percebi que essa atitude só acaba reunindo mais lamentações. Se alguém aqui estivesse satisfeito com esse País, a gente não estaria implorando pra ir embora, né?!

Então, seguindo a linha do Pequenas Felicidades, que me faz um bem danado, resolvi fazer uma blogagem semanal um pouco mais produtiva... Vou tentar encontrar pontos positivos relacionados ao que posso fazer enquanto a resposta do Consulado não chega. Essa espera tem que ter algo de bom! Pra quem acha que o assunto não rende e está sem ideias, a Nilian já fez um post parecido aqui. Achei ótimo, e quero fazer vários! Ao menos um por semana. Será que dá?! 

Todo mundo que está no processo, está convidado a participar. Assim, quem sabe, a gente consegue inspirar outras pessoas e trocar sugestões!

Então... lá vai:


Versão meiga

OU
Versão para as mais descoladas e rapazes (pq não?!)
# Espero que gostem de uma delas pelo menos... rsrs

O nome foi inspirado no livro/filme"O que esperar quando você está esperando". Tá certo que a espera do filme é relacionada à gravidez, mas cá pra nós, este processo não deixa de ser um parto... e de elefante, né Nilian?! O crédito das imagens que utilizei está no meu Pinterest. Aliás, tem muita coisa bacana por lá, pra quem ainda não viu. ;)

Eu sei que não tenho audiência suficiente pra fazer uma blogagem coletiva, mas quem sabe a exclamaçãozinha da sorte não ajuda?!

Passo-a-passo:
1- Escolher um banner acima;
2- Criar um post com este tema;
3- Colocar o link para o meu blog no seu post
4- Colocar o link para o seu blog no meu post

Gostaram? Isso que eu chamo de sair da negatividade... ou falta do que fazer...é nada...fazer é que não falta! bora listar! =D

Bisous!

Necessidade de Imigrantes

"Bom dia!", "Bonjour!" "Good Morning!"

Saiu uma matéria no Le Devoir, dizendo que o Canada vai precisar de 100 mil imigrantes a mais por ano a partir de 2016, a fim de equilibrar a balança com os idosos que irão se aposentar. O negócio tá feio, acho que não vai ser dessa vez que vão dispensar a gente!

Mas o jornalista ressalta que, para isso funcionar, será preciso melhorar o sistema de imigração e integração dos recém-chegados. No Quebec acho que tá indo bem, né?!

Só consegui ler até aqui, alguém é assinante? Perdi alguma coisa? Sou apenas mais uma pobre imigrante... mas este trechinho bastou pra alegrar o meu dia!

Mode otimista on!


terça-feira, 18 de setembro de 2012

Cansaço!

Olha só o que eu encontrei e me diz se o Fernando Pessoa não sabia o que era imigrar para o Canadá... (rsrs)



"O QUE HÁ


O que há em mim é sobretudo cansaço

Não disto nem daquilo,

Nem sequer de tudo ou de nada:

Cansaço assim mesmo, ele mesmo,

Cansaço.


A sutileza das sensações inúteis,

As paixões violentas por coisa nenhuma,

Os amores intensos por o suposto em alguém,

Essas coisas todas

Essas e o que falta nelas eternamente

Tudo isso faz um cansaço,

Este cansaço,

Cansaço.


Há sem dúvida quem ame o infinito,

Há sem dúvida quem deseje o impossível,

Há sem dúvida quem não queira nada

Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles:

Porque eu amo infinitamente o finito,

Porque eu desejo impossivelmente o possível,

Porque quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser,

Ou até se não puder ser...


E o resultado?

Para eles a vida vivida ou sonhada,

Para eles o sonho sonhado ou vivido,

Para eles a média entre tudo e nada, isto é, isto...

Para mim só um grande, um profundo,

E, ah com que felicidade infecundo, cansaço,


Um supremíssimo cansaço,

Íssimo, íssimo, íssimo,

Cansaço..."


Álvaro de Campos

FSW x QSW (e atualizações)

Hoje eu tive uma surpresa ao entrar no fórum do Yahoo que acompanho. Um rapaz que deu entrada no processo FSW em junho/2010, mesmo período em que dei entrada no processo QSW, acabou de receber o passaporte com o visto de residente permanente.

Acho importante postar sobre isso, porque muita gente tem a ilusão de que o processo por Quebec é mais rápido, e isso deixou de ser verdade há muito tempo. A menos que o seu processo seja considerado prioritário ou que você tenha um visto de trabalho em paralelo.

Eu nem tive a opção de escolher porque a minha profissão não está na lista para o FSW, só aplicando como Self-Employed (mas a falta de informação sobre este tipo de processo é desanimadora). Eu fiquei com os dois processos em paralelo, até o próprio consulado me garantir que o por Quebec seria mais rápido. Já começo a duvidar, estaria com 26 meses de Self-Employed agora!

Não que a gente tenha muita informação sobre o QSW, a única estimativa de prazo que eu tinha era a de 13 meses, que virou 16, que virou 18... mas isso já me explicaram que não é um prazo para os novos processos, mas a média de tempo que levou para finalizar os processos dos últimos 12 meses. Ou seja, é dar entrada no federal e rezar. Sem previsões.

A ilusão que eu tinha de que o número de CSQs foi muito menor em 2011 e que, por isso, assim que acabassem com a leva de dezembro/janeiro a coisa começaria a andar, já foi por água abaixo. Até hj eles não acabaram com os processos de janeiro e disseram que não terão acabado até o fim de outubro. Já passaram mais de 6 meses. Desculpas sem fronteiras.

E nada contra quem já está há um ano na fila do processo provicial, mas com as entrevistas que se aproximam em novembro/dezembro, mais uma leva de CSQs prioritários vão passar na nossa frente. Fora os vistos de turismo do final do ano. E os de estudante, que começam a pipocar depois da sequencia de feiras que acontecem anualmente em setembro.

Dá vontade de chorar. Provavelmente, terei mais um ano pela frente. E este País só aumenta o meu desespero. Desculpem o pessimismo, mas hoje não deu pra segurar.

Au revoir!




domingo, 16 de setembro de 2012

Prends garde à ta langue x Soulman

Bon soir!!!

Trouxe duas músicas do Festival de ontem! Infelizmente o meu passarinho não ganhou (rsrs), mas o show valeu a noite! Muita gente boa... uma delícia de ouvir!

Vou compartilhar com vocês os dois primeiros lugares:

1- Prends garde à ta langue:


2- Soulman


Os interpretes dessas canções vão concorrer a uma viagem à França!

E aí? Qual vcs preferem?

Au revoir!!!

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Festival da Aliança Francesa

Olá pessoal!

Este é um post rápido pra quem está em São Paulo! Amanhã será a semifinal do festival da canção francesa, promovido pela Aliança Francesa.

A seleção de músicas está excelente e é uma oportunidade bacana (e gratuita!) de praticar o francês!

horário: 19hs
endereço: Rua General Jardim, 182 (próximo ao metrô República)




Mas cheguem cedo, porque o primeiro a se apresentar é imperdível! #cezarferreira ;)

Bisous!

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

E lá se vão 8 meses...

"Afinal, há é que ter paciência, dar tempo ao tempo, já devíamos ter aprendido, e de uma vez para sempre, que o destino tem de fazer muitos rodeios para chegar a qualquer parte."
Guimarães Rosa

                     

Hoje é o aniversário de 8 meses do meu processo federal... os rodeios já começaram a cansar um pouco... esse processo mais parece aqueles vôos intermináveis, que quando a gente acha que está chegando, o piloto não é autorizado a pousar. E a gente fica ali dando voltas, sobrevoando o destino, sem saber quando é que a porta vai se abrir...

Courage quand même!

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Imigrantes...

Vou colocar mais um trechinho de poema que gostei, chama Imigrantes e é do Pe. Alfredo J. Gonçalves:

"Teimosos, voltam a erguer-se o sonho e o migrante; 
Nas asas do vento, vencem ambos o caminho;
O sonho se faz raiz, se faz broto e se faz tronco,
Se faz árvore, se faz flor e se faz fruto;
No chão de uma nova pátria planta raízes,
Que hão de forjar uma cidadania sem fronteiras,
Onde acima da raça, língua ou cultura, está a VIDA."


Por falar em forjar, lembrei de um outro poema, este mais conhecido, do João Cabral de Melo Neto. Ele confere à palavra "forjar" um sentido bem mais amplo e enaltece a beleza de "forjar uma cidadania sem fronteiras", do poema acima...

Você sabe o que é forjar? O Ferrageiro de Carmona, explica:


"Um ferrageiro de Carmona,
que me informava de um balcão:
"Aquilo? É de ferro fundido,
foi a forma que fez, não a mão.

Só trabalho em ferro forjado
que é quando se trabalha ferro
então, corpo a corpo com ele,
domo-o, dobro-o, até o onde quero.

O ferro fundido é sem luta
é só derramá-lo na forma.
Não há nele a queda de braço
e o cara a cara de uma forja.

Existe a grande diferença
do ferro forjado ao fundido:
é uma distância tão enorme
que não pode medir-se a gritos.

Conhece a Giralda, em Sevilha?
De certo subiu lá em cima.
Reparou nas flores de ferro
dos quatro jarros das esquinas?

Pois aquilo é ferro forjado.
Flores criadas numa outra língua.
Nada têm das flores de forma,
moldadas pelas das campinas.

Dou-lhe aqui humilde receita,
Ao senhor que dizem ser poeta:
O ferro não deve fundir-se
nem deve a voz ter diarréia.

Forjar: domar o ferro à força,
Não até uma flor já sabida,
Mas ao que pode até ser flor
Se flor parece a quem o diga."

Lindo, né?!

Resultado das eleições

Não deu pra não escrever sobre isso, saiu até no site da globo, essas eleições parecem que vão mesmo dar o que falar. Claro que tem muita gente preocupada com o fato da Pauline Marois ter vencido. Ela esteve a frente de dois referendos separatistas (1980 e 1995), e continua sendo uma defensora fervorosa da independência do Quebec e da soberania da língua francesa.

O que mais me surpreende nisso tudo é que a história do Canadá se fez (E SE FAZ) com a participação de imigrantes, com a integração do diferente; é a multiculturalidade que o ensina todos os dias a combater o preconceito e expandir seus horizontes.

Aí vem o resultado das eleições (em 2012!!!) e o partido eleito pela maioria apresenta esse discurso retrógrado de encarceramento cultural?! Posso estar pegando pesado, mas querer impor, neste momento, uma barreira linguística e um "bairrismo" exacerbado só pode ser considerado um retrocesso. Quero acreditar que tenham sido outras as razões que a elegeram.

Isto posto, o que dizer do atentado contra esta mesma candidata eleita (democraticamente, diga-se de passagem)?! Da falta de respeito assinada com "os ingleses estão acordando"?! OI??? Tanta crítica à postura do PQ e, de repente, uma resposta dessas? Ou seria tudo armado pra fortalecer o argumento separatista? Desculpem, eu sou brasileira e já vi de tudo nessa vida.

O fato é lamentável, não importa de onde venha. Não importa se foi apenas um louco, um caso isolado. Por mais preocupante que seja a vitória da Marois, tentar atear fogo e chegar a disparar contra a multidão não tem justificativa, é vergonhoso. O momento agora é de respeitar a maioria e dar um voto de confiança ao novo governo. A alternância de poder, a meu ver, sempre traz consigo a possibilidade de renovação (brasileiros, vejam bem, eu disse "possibilidade").

Sejamos otimistas. Mas, antes de tudo, tenhamos a humildade de ser multiculturais.





terça-feira, 4 de setembro de 2012

Cartilha - Brasileiros no Exterior

Vocês já ouviram falar na Cartilha Brasileiras e Brasileiros no Exterior - Informações Úteis? Ela começou a ser elaborada pelo governo federal no final de 2006 e foi publicada em janeiro de 2008. Vale a pena fazer o download embora alguns dados já estejam desatualizados porque é uma fonte oficial para esclarecer muitas dúvidas dos imigrantes.

A cartilha traz informações sobre o que podemos e/ou devemos fazer no exterior (e, também, antes de sair do País ou de retornar definitivamente). Além disso, explica melhor como a embaixada brasileira pode nos ajudar em diversas situações!

Segundo a cartilha, quatro milhões de brasileiros foram para o exterior, "sendo a maioria composta por trabalhadoras e trabalhadores que deixaram o País em busca de melhores oportunidades de emprego e renda". Veja bem, 4 milhões em 2008 e já se passaram 4 anos... será que este número continua o mesmo? E será que a principal razão de deixar o País continua sendo esta? Ou já virou questão de segurança pública? :o

Acho que tem bastante gente considerando esta opção. De repente, a mídia começou a fazer muita propaganda dos executivos brasileiros que estão voltando do exterior, sem contar que começaram a pipocar várias matérias (se é que se pode chamar de matéria) sobre brasileiros que foram parar no exterior completamente iludidos e hoje levam um vida "muito pior" do que levavam aqui... sabe o tipo de coisa que não cheira bem? Acho que tem gente preocupada demais com tanto brasileiro desiludido, querendo ir embora daqui. E outra coisa, pelos blogs que acompanho, não vejo um perfil de gente iludida e alienada, mas de gente muito bem informada, que sabe direitinho o que quer. Mas isso é assunto pra outro post.

Mas não são apenas os brasileiros que migram não. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), atualmente existem cerca de 200 milhões de migrantes no mundo! Nossa, de repente não estou mais me sentindo tão sozinha!!! (rsrs) Quanta gente inquieta, quanta gente buscando algo mais...

Lembrei de uma frase que vi hoje na academia: 

"Desistir? eu já pensei seriamente nisso, mas nunca me levei realmente a sério. É que tem mais chão nos meus olhos do que cansaço nas minhas pernas"
Cora Coralina

Mas antes que eu comece a viajar, vou encerrar dizendo que tem muito ali para ser lido com calma. Eu não conhecia este guia, sabia de algumas informações por ouvir falar (como o direito de trazer a sua mudança depois de morar 12 meses fora do país, por exemplo), mas dei uma "bisolhada" e parece que tem muitas outras dicas informações. Se der preguiça de ler, vale guardar como um guia de bolso, caso algum dia venha a precisar.

ps: fiz uma busca pra ver se tinham atualizado a versão, mas continua a mesma. Agora dá pra ler diretamente no site (bom pra quem usa o bookmark), mas não é tão bonitinho... :P

Bisous!


O que fazer antes e depois da mudança

 Hoje vou dar a dica de um site muito útil para os imigrantes. É um guia sobre as ações que devem ser tomadas antes e depois da imigração. Foi elaborado pelo RBC, e deixou o ultra-power-bambambam HSBC no chinelo.

 Vou reproduzir aqui a parte que diz respeito a minha fase, antes de imigrar, mas vale a pena entrar no site e conferir tudo o que tem por lá. Encontrei até um checklist para newcomers, dividido por etapas (3 ou + meses, 1 a 3 meses e - de 1 mês!).

Isso que eu chamo de jogada de marketing. Eles foram bem espertos, afinal, quem não sente segurança com um banco que entende o que você está passando e te ajuda no que é possível? Eu não conheço o RBC, mas agora até fiquei com vontade de conhecer. Se bem que vai ser difícil ganhar do ScotiaBank que oferece milhas de cinema (ai como sou fácil!rsrs).Nem preciso dizer que nem se compara com o tratamento "vip" ou "premier" do HSBC...

 Olha só o que eles organizaram pra gente:

 BEFORE YOU MOVE 

 "GET YOUR PAPER WORK TOGETHER 
You’ll want to have your valid immigrant visa, passport, birth certificate, education documents, immunization and health records up to date and ready to go when you leave. You’ll find a complete list of essential documents and important items as well as helpful tips at Citizenship and Immigration Canada. Make sure all your documents are either in English or French to ensure that they’ll be accepted by organizations in Canada. If not, have them translated and notarized. 

Tip Get your driver’s license, experience certificate from your local road transport authority and a reference letter from your existing automobile insurance company. These will act as proof that you are an experienced and safe driver. You may find them useful when you apply for automobile insurance in Canada. As well these documents may help lower the cost of your automobile insurance. In Canada, you must have vehicle insurance to drive legally. 

 PLAN YOUR ARRIVAL DATE 
When you’re organizing your move to Canada, it is helpful to set a target date for your arrival. Then, prepare a timeline based on what needs to be done. Booking tickets early may also help you save on the cost of your ticket. 

Tip Many new immigrants find that moving during the summer – when most of Canada is experiencing warm or hot temperatures – is easier to handle on both a practical and emotional level than a winter move. Find out what type of clothes you’ll need when you arrive. 

 DECIDE WHAT YOU WANT TO BRING 
When you arrive: Plan to purchase or obtain all the items that you’ll need for the first few months of your stay, since other household items that are being shipped may not arrive for a few months after you do. Also consider bringing an extra supply of any medications you take—the same brands and formulations that you are accustomed to taking, may not be available in Canada and it may take time to find suitable alternates. 

 After you’ve landed: Obtain an estimate from a moving company for packing and shipping costs of items that will arrive later. You may wish to re-evaluate your packing list, as the cost of shipping large items like furniture may be as expensive as the cost of a new item in Canada. 




 
FIND A PLACE TO STAY WHEN YOU FIRST ARRIVE 
Unless you have already arranged permanent accommodation, you’ll need somewhere to stay when you first arrive. Your options might include: 
- A hotel or motel room 
- The home of family or friends who already live here 
- A host or sponsor who has volunteered to house newcomers 
- A house or apartment for rent – rental accommodation is usually listed in the classified advertising section of local newspapers in Canada or may be found by searching the internet. 

 FIND NEWCOMERS SERVICE IN YOUR AREA 
The Government of Canada provides many free services to newcomers to help them get settled. Before you arrive in Canada, check the free services offered in the area where you will be staying. You may also wish to consider booking an appointment with a service agency before you leave so that you can meet with someone soon after you arrive in Canada. Visit Citizenship and Immigration Canada for a complete list of community and government services.

 FIND OUT IF YOU QUALIFY FOR ASSISTANCE 
Canada offers special benefits programs to assist certain types of immigrants. Find out whether you’re eligible for these programs."




 E eles ainda organizam mais duas categorias para esta fase (segue a prévia):

"PREPARE FOR WORK 
This is perhaps the most important step in the immigration process. With some preparation, you can take advantage of Canada’s many job opportunities and find the success you’re looking for. 
- Prepare documents for work 
- Decide where to immigrate 
- Research job opportunities 
- Evaluate your credentials 
- Contact people who you know in Canada 
- Evaluate your language skills
 - Check out LINC (Language Instruction for Newcomers to Canada) 

 ARRANGE FINANCES (claaaro!)
Here are some things you can do now to help get your finances organized before you arrive in Canada: - Open a Canadian bank account 
- Transfer money into your Canadian bank account 
- Estimate monthly living expenses 
- Understand the Canadian banking system 
- Get temporary medical insurance 
- Obtain Canadian funds 
- Make banking arrangements in your home country"




Cada um desses itens tem mais detalhes na página oficial. E tem muito mais por lá... vale a pena conferir! (Tá parecendo até postagem paga isso aqui... hahah, mas achei bom mesmo!)

Au revoir mes amis!

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Sobre a imigração...

Como de costume, vou recomendar aqui um "post" que eu adorei ler! Trata-se de um balanço geral, depois de um ano de Montreal. É, também, uma lição de vida. Imperdível. "Supernovo" ;)

Quem ainda não leu, não perca mais tempo... clique aqui!

Ah! Vou aproveitar e ilustrar com esse passarinho lindo, que eu ganhei da QUE BEcLEZA!




E terminar com mais uma frase poética da Turma do Balão que resume, a meu ver, a experiência mais enriquecedora do imigrante:
"Encontrando, encarando, me reconhecendo e me reformulando / Encantada com as inúmeras possibilidades de mim mesma / Permito que a mudança me transforme e me re-faça / Mais humana, mais crente, mais gente."

Au revoir!

domingo, 2 de setembro de 2012

A quoi ça sert l'amour x On va s'aimer encore

Já que o post anterior fez tanto sucesso, vou seguir com as músicas... o duelo de hoje é entre duas animações lindas:

A primeira, um clássico de Edith Piaf (pra agradar a Pati e Temps) super bem ilustrado, que meu passarinho me mandou quando eu ainda estava no Canadá:



"A quoi ça sert l'amour ?
On raconte toujours
Des histoires insensées.
A quoi ça sert d'aimer ?

L'amour ne s'explique pas !
C'est une chose comme ça,
Qui vient on ne sait d'où
Et vous prend tout à coup"



E a segunda, do Vincent Vallières, com os personagens do film Up! Um sucesso em Montreal segundo o comentário do Canadá Total:




"Quand on verra dans le miroir nos face ridées pleines d'histoires
Quand on en aura moins devant qu'on en a maintenant
Quand on aura enfin du temps et qu'on vivra tranquillement
Quand la maison sera payée et qui restera plus rien qu'a s'aimer

On va s'aimer encore, au travers des doutes, des travers de la route et de plus en plus fort On va s'aimer encore, au travers des bons coups, au travers des déboires la vie, à la mort on va s'aimer encore" 


* Quem não for fã de animação, também pode assistir ao clipe oficial, com o bônus de que ele foi gravado no Quebec!

Agora ficou difícil escolher, hein?!


sábado, 1 de setembro de 2012

Elle me dit x Quelqu'un ma dit?!

Aproveitando o festival da canção francesa, passei a procurar algumas canções no youtube...

Esta, por exemplo, é uma das semifinalistas:



"On dit que le destin se moque bien de nous
Qu'il ne nous donne rien et qu'il nous promet tout
Parait qu'le bonheur est à portée de main
Alors on tend la main et on se retrouve fou

Pourtant quelqu'un m'a dit
Que tu m'aimais encore
C'est quelqu'un qui m'a dit que tu m'aimais encore
Serais ce possible alors?"


Romantiquinha, né?! O engraçado é que, quando li o nome, pensei que fosse esta aqui (hit do ano passado em Montreal!):




"Elle me dit "écris une chanson contente
Pas une chanson déprimante
Une chanson que tout le monde aime"
...
Elle me dit
Elle me dit "c'est ta vie
Fais ce que tu veux tant pis
Un jour tu comprendras
Un jour tu t'en voudras""


Nenhuma das duas chega perto de uma letra do Chico Buarque ou de uma composição do Tom Jobim, mas eu tenho de admitir que a primeira me toca (embora saiba que love songs tem hora e lugar!) e a segunda me faz dançar e cantarolar (quem dança kuduro, dança tudo nessa vida!) =D

Aliás, fica aqui a introdução para o meu post da blogagem coletiva "gosto, mas não assumo!"que eu morri de rir aqui... #em breve

Au revoir!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...